Loja itinerante: empreendedorismo sobre rodas

Com tanta falta de tempo na rotina, todos os serviços que promovam melhor qualidade de vida são bem-vindos no nosso dia a dia e muita gente descobriu no carro uma forma de ganhar dinheiro perambulando as ruas da cidade e as estradas do Brasil.

Loja itinerante de almofadas

A comodidade também é do empresário que, se não quer estar preso a um lugar, vê nos negócios itinerantes um jeito de ganhar a vida e viver viajando. Os custos com hospedagem ficam reduzidos, transporte e estoque também. Uma Kombi pode se tornar em uma livraria itinerante ou uma fábrica de roupas e chapéus. Uma Kangoo pode virar uma loja de roupas. A Towner vira uma barraquinha de cachorro-quente. Como as vans, ônibus e trailers são mais altos, permitem negócios em que sejam necessários ficar em pé no interior do veículo, como loja como roupas, bijuterias, food truck e manicure.

Loja itinerante: livraria na rua

Vale a pena criar uma identidade para o negócio, investindo em plotagem. E os custos com a customização do veículo podem ficar bem altos, dependendo do projeto, principalmente se envolver uma cozinha industrial. Essas empresas oferecem os serviços:

• Fag Brasil: www.fagbrasil.com
• Berta Cozinhas Industriais: www.berta.com.br
• Bumerangue: www.bumeranguereboques.com.br
• Future In Box: www.futureinbox.com.br
• Truckvan: www.truckvan.com.br
• Universal Carrocerias: www.universalkit.com.br

Para reduzir os gastos com combustível basta criar rotas diárias e evitar os horários de pico. Sem os custos com aluguel, água luz e IPTU, essas lojas podem estar em qualquer lugar, atendendo ao público passante em uma rua movimentada ou atender com hora marcada um cliente. Também há redução no número de funcionários e a maior proximidade com o público-alvo. Seu ponto ficou fraco? É só ir pra outro canto da cidade. Vende comida? Liste os principais eventos e baladas e estacione perto. As soluções para esse tipo de negócio também são mais flexíveis.

Loja itinerante: boutique de rua

Principalmente para os itinerantes e viajantes, a manutenção do veículo e a adequação dele às normas do Detran são fundamentais para evitar dores de cabeça na estrada e multas. O veículo vai precisar de uma autorização para funcionar como estabelecimento comercial e de uma vistoria para identificar mudanças.

Faça a manutenção periódica do veículo seguindo as recomendações do fabricante. Atenção especial na parte elétrica, condições dos pneus e cabos – cabo de comando, cabo de freio e cabo de embreagem.

Laryssa Caetano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *