Diferença entre engenharia de produção e gestão da produção industrial

O mercado industrial pode oferecer diversas chances e oportunidades de carreira a quem se interessa pela área de gestão da produção industrial

Apesar disso, existe muita dúvida de qual formação seguir, sendo elas o curso de Engenharia da Produção e o curso superior de tecnologia em Gestão da Produção Industrial.

Na verdade, ambos os cursos podem ser suplementares, mas não tratam da mesma formação.

Gestão da produção industrial

O curso superior de tecnologia em gestão da produção industrial é essencialmente tecnológico e curto em sua duração.

Cada vez mais procurados, os cursos tecnológicos se tornaram uma tendência para quem quer se profissionalizar e ser inserido no mercado de trabalho rapidamente.

Essa rapidez na inserção no mercado se dá pela alta demanda de profissionais com formações específicas nas empresas da área.

Além disso, num âmbito mais estrutural do curso, a gestão da produção industrial se foda mais no processo de produção e no mantimento de sua funcionalidade e qualidade.

Em suma, o profissional de gestão da produção se concentra em aumentar a produtividade da empresa a partir de um planejamento estratégico em atividades como a logística de estoque e o controle na qualidade tanto do processo quanto do produto.

Engenharia de produção

Já o curso de engenharia de produção é bacharel e tem uma duração maior – cerca de cinco anos de estudo.

O curso pode capacitar em diversas áreas o profissional por trazer conhecimentos sobre gestão de pessoas, administração e conceitos básicos de economia.

O engenheiro de produção se encarrega do desenvolvimento organizacional da empresa, além de gerenciar a parte financeira e o gerenciamento dos recursos humanos que são imprescindíveis na produção geral da empresa – sejam os recursos destinados à fabricação ou prestação de serviços.

O mercado de trabalho

No lado mais mercadológico, as oportunidades têm sido ampliadas, em especial para o setor de cursos tecnológicos.

Isso acontece porque o profissional formado em um curso tecnológico tem menor remuneração, geralmente, do que a de um bacharel – o que aumenta as oportunidades para tecnólogos.

Além do que, o profissional tecnólogo será capaz de resolver com maior velocidade as demandas e necessidades específicas de um empresa

No Brasil, a agroindústria é uma área em ascensão para ambos profissionais por serem responsáveis pelo gerenciamento da produção industrial, da qualidade da produção tanto quanto da produção e comercialização dos produtos agrícolas.

Claro que são profissionais diferentes que atuam em áreas semelhantes, porém em níveis diferentes.

No campo da indústria, o profissional formado em gestão da produção industrial é o comunicador intermediário entre o engenheiro de produção e os demais técnicos.

Femina Revista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *