Casa Cor Mato Grosso do Sul apresenta novidades da arquitetura e do design com mais de 40 profissionais

Até o dia 9 de novembro, quem estiver em Campo Grande pode conferir uma mostra que é um marco nas áreas Arquitetura e Urbanismo, Design de Interiores e Paisagismo: a Casa Cor Mato Grosso do Sul. Aberta sempre das 16h às 22h nos altos da avenida Afonso Pena, onde há muitos anos se ergue a mansão da família Dibo, 30 ambientes projetados por 41 profissionais locais podem ser conferidos à vontade pelo público.

casa cor

Na mostra, algumas tendências que estão em vigor na arquitetura para este ano são bastante evidentes, como a valorização do concreto aparente original da casa, a presença marcante da madeira com um traço leve, os tons de verde em pinturas e revestimentos – mas principalmente nas plantas e no paisagismo que refrescam os espaços. O imóvel onde a mostra está, que foi construído pelo arquiteto Rubens Gil de Camillo, já tinha um “quê” de modernidade”.

As varandas retratadas na Casa Cor MS também são um dos pontos fortes, já que trazem muitos elementos da cultura regional, misturado a outros, mais modernos. Na mansão gigantesca, há muito para se ver e compartilhar dentro do mundo da arquitetura e do design.

Eventos agitam mostra

Por lá, já aconteceram desfiles de moda com a estilista nacional Glória Coelho, eventos de decoração, muita gastronomia e cultura. Vários tipos de restaurantes e espaços estão disponíveis. Na Varanda Gourmet, ambiente projetado pelos arquitetos Arielle Nogueira, Marcos Kaian, Luciana Tenuta e Oderito Freitas, o Manga Park toda semana traz opções diferentes. Quem gostar de outros tipos de sabores também aproveita a mostra.

As crianças também têm espaço na mostra para se divertir e interagir: o Espaço da Criança, projetado pela arquiteta Patricia Marques e inspirado no universo da personagem Alice, do escritor britânico Lewis Carroll. Trata-se de um ambiente colorido, divertido e cheio de surpresas. Nele, monitoras da escola Maple Bear recebem os pequenos de 3 a 6 anos com a leitura de histórias, filmes e atividades lúdicas. As crianças podem ficar no espaço por 40 minutos, enquanto os pais visitam a casa.

Femina Revista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *